Sunday, August 05, 2007

E DE SAUDADES VOU MORRENDO....

CONSTATAÇÃO

Ah! Se tu estivesses aqui, agora,
Nem que fosse uma meia-hora
Como o tempo se desfaria no ar
Com esta saudade que não vai passar.
Se estivesses aqui ao meu alcance
Nesta manhã chuvosa...que belo lance!
Nós dois seríamos muito mais felizes
Rememorando os acertos e deslizes
Na cumplicidade que nunca se desfez
O prazer teria seu momento e vez
E apagaria toda esta imensa dor
Se expressando, como sempre, em amor

Hoje, que nem imagino onde estais,
Imito a chuva e choro muito mais
Enquanto o mundo minha dor ignora
E até a dor o tempo leva embora...

1 comment:

Grace said...

Uau.
Chuva. A imagem, como a da lua, me traz sempre sensações controversas, mas sentir as tuas é lacerante. Bom te ver, Melhor ainda é ter autorização para interceder.
Adoro tuas latinas.
Beijo