Tuesday, December 27, 2011

Ano novo, tão novinho


Ano, tão novinho,
vais chegando de mansinho
tão sem pressa de chegar.
Ano novo, tão novinho,
passa bem devagarzinho
nos dê tempo de brincar,
de amar, se for possível,
muito mais de querer bem.
Ano novo, bem novinho
que surpresas você tem?
Traga-me só o potinho
de ouro do arco-íris,
um amor, duas viagens,
vinho, desejo, ternura
e dias de boa ventura.

Ilustração: glaulegal.blogspot.com

2 comments:

Isabela said...

Para todos nós!

http://minhasletrasaqui.blogspot.com/

Arthus Kauã Fendeler Höelz said...

Meu blog de poesia é peresser.blogspot.com