Wednesday, April 18, 2018

Cançãozinha do Rio Madeira



Eu venho lá da beira, ai eu venho lá de tão longe,
Eu sou é beradeiro, eu sou do Baixo Madeira
criado com mandi, cevado com jaraqui
Venho sempre à beira-rio, venho sempre à beira-rio.
para pescar meu siri.
Eu só entendo de rio, mas, é de um rio mar.
Trago aqui umas piabinhas, trago aqui estes pacus,
Pr’amanhã, pró teu almoço, pr’amanhã, pró teu jantar
Que, de barriga cheia, um dengo não vou desprezar.
Remo, remo minha canoa
Deixo o banzeiro passar
O rio é uma brincadeira
Gosto mesmo de brincar
E se a pescaria é boa, se tem mandioca e açaí,
melancia e até pupunha,
fazemos uma festinha
somente pra comemorar.
Vamos todos já bailar
que esta gente do Madeira
gosta mesmo de dançar!
O Madeira é um rio, O Madeira é um mar,
que tem encantos sem fim.
Tem tartaruga, tem boto, cobra, jacaré, 
garça, graça, riqueza natural.
No mundo não há igual!, No mundo não há igual!
No mundo não há igual! No mundo não há igual!

Ilustração: Cultura Mix. 

No comments: